junho 18, 2010

Desilusão

 foto de X.Maya
Meu corpo alinha
à espera da lâmina que o traça
e aos pedaços no chão
não é gente
é alma em fios de ilusão
agastados por quem ali passa


Vera Carvalho


3 comentários:

DelfimPeixoto disse...

Sempre bom ler e meditar...
;)

Daniel Aladiah disse...

Querida Vera
Muita tristeza do poeta.
Um beijo
Daniel

Carlos Poeta disse...

ser poeta é uma dádiva