abril 30, 2007

Será tua esta praia ?


foto de José Luís Mendes

Serão tuas as lágrimas
que o mar expulsa e me devolve ao rosto?

Será teu o lamento do marejar das ondas
que me cinge os lábios ao sabor salgado?

Será teu o calor dos penedos macios
que me repousam o corpo?

Será tua a memória espelhada na bruma
que me turva e me comove a alma?

Serás tu que roubas meu nome d’areia
e me unes a ti (terra ao mar )?
Ou

Serás tu o barco, o enigma, o corsário
que me lança ao mar e se afunda em mim?

-----V.C.-----

abril 24, 2007

Hoje acordei no verde musgo dos teus olhos


foto de Insomnia

Hoje acordei no verde musgo dos teus olhos

estendida sobre brancas flores
acariciada pelo vento que adormece as ervas

beijo-te os lábios de morango silvestre
e deixo que o suco ácido adoce em teu corpo
bebo-te como água que rebenta da nascente
fresca, intensa, límpida
e deixo que as mãos espalhem em meu rosto,
gotas de carícias, de beijos orvalhados

estendida sobre brancas flores
acariciada pelo vento que adormece as ervas

revolvo-me nas encostas do teu ser
e caio perdida de braços abertos,
de sorriso aceso ao sol que te contorna os lábios
e ao vento somos pétalas,
leves sombras que se unem num abraço
e difundem o perfume das margaridas

-----V.C.-----

abril 19, 2007

Os Blogs que me fazem pensar


A querida Ângela do http://esbocodepalavras.blogspot.com/ premiou-me como sendo um dos blogs que a fazem pensar. Humildemente aceito este prémio e agradeço-lhe.
Agora cabe-me a mim ligar-me à corrente e premiar os cinco blogs que me fazem pensar. Confesso que não foi tarefa fácil porque tenho muitos que me fazem pensar e os que tenho em consideração sabem isso.
E os premiados foram:

- porque me enfeitiça com a magia das suas palavras.

- porque aborda temas sociais de uma forma crítica, construtiva e prazenteira.

- porque é " várias mulheres sem nomes para todas e nunca sei qual delas sou agora", porque em suas veias corre a poesia e porque considero minha "madrinha na escrita".

-porque é exemplo de incentivo, coragem, boa - vontade, para além de poesia de qualidade, e claro, pelo João ser um amigo estimado.

- porque abraça a arte na escrita e explode em sentimento.

E assim continuaria por mais algum tempo, mas devo ficar por aqui. Os cinco premiados poderão seguir a corrente e colar no vosso blog o selo do prémio.
Um abraço a todos que me leêm.

abril 11, 2007

Quando és Transcendente


foto de Isabel Gomes da Silva

Há dias em que és chuva e
me deixas gotas no rosto.
Há outros em que és vento,
e passas suave
deixando o gosto
da saudade.
E há aqueles dias,
em que és sol
e vens pela manhã
brando e gracioso.
E ficas.
Eu demoro-me,
na tua arrojada chama,
sabendo que o tempo
te leva aos poucos,
vais partindo,
sucumbindo,
mas aos meus olhos
és deslumbrante
eterno amante.
Tu vais.
Eu permaneço
pela noite,
vagueando à luz da lua
à espera que amanheça.


-----V.C.-----

abril 03, 2007

Entrega


Foto de Mariah

Despe-me com o teu sopro
Em folhas de prata
Ao olhar túrbido de lágrimas
Que me capta

Atira-me ao vento
Em sinal de revolta
À liberdade aparente
Que me solta

Deixa-me cair
Em teus braços famintos
A aridez da pele
Te mostra os instintos

Prende-me ao teu corpo
Com correntes de espinhos
O sangue que derramo
É da cor do que sinto

-----V.C.-----